É sua primeira vez por aqui? Entenda o blog: No dia 13/08/2010 eu criei este blog apenas para programar a minha viagem para a Itália... Ele cresceu muito, fiz muitos amigos e virou uma fonte de informações para muitas pessoas. Para melhor compreensão, ele foi dividido em três partes: 1) as pesquisas sobre cada cidade, atrações turísticas, gastos,... e o marcador que eu adoro: Entrando no clima, onde experimentei receitas, filmes, livros,... 2) A montagem do meu roteiro passo a passo: todos os dias estão na guia ROTEIRO FINAL; 3) O relato completo da minha viagem - todos os dias - com informações, dicas, gastos totais... etc. Estão na guia MINHA VIAGEM. Entre... o blog é seu!!! Aqui você vai encontrar informações sobre as cidades que eu visitei: Milão, Lago di Como, Turim, Verona, Pádova, Vicenza, Veneza, Florença, Pisa, Lucca, San Gimignano, Siena, Arezzo, Cortona, Cinque Terre, Assis, Roma, Pompéia, Capri, Sorrento, Positano e Nápoles... Este projeto foi finalizado pois estou com outro agora: http://www.toindoparaafranca.blogspot.com/ - mas entrarei aqui uma vez por semana para responder comentários, perguntas, etc... BOA VIAGEM À ITÁLIA!!!

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Dolce Far Niente... Sob o sol de Toscana

Já que estou falando de Florença, vou recordar este post...
Até porque eu vi o filme de novo...rsrs

Bom dia, pessoal...

Bem, com um feriado na segunda-feira, emendando com o fim de semana, é claro que não fui viajar. Não gosto de viagens curtas, creio que o trânsito, o pouco tempo, etc... contribui ainda mais para o cansaço... Então, fiquei em casa, já aproveitanto o bendito DOLCE FAR NIENTE - (italiano) pode-se traduzir como doce fazer nada, isto é, o ócio prazeroso e relaxante.

Assistindo televisão, dei uma volta pelos canais de viagens e encontrei algo muito interessante: belíssimas imagens de Toscana... Hummm... lembrei de um filme e a saudade bateu forte. Peguei o computador - sim, eu sei que é errado, mas eu estava de dolce far niente e estava com preguiça de ir na locadora...rs - e digitei SOB O SOL DE TOSCANA...

Em poucos minutos, o filme estava em meu computador. Uma bela quantidade de pipoca para acompanhar e lá fomos ver o filme novamente... Creio que já assisti três vezes e não me canso. Você não conhece? Então, lá vai a sinopse:

A vida de Frances (Diane Lane), escritora de São Francisco, recém-divorciada, está prestes a dar uma guinada radical mas muito necessária. Tentando arrancar Frances da letargia do período pós-divórcio, a amiga Patti (Sandra Oh) lhe dá um presente que ela espera que ajude: uma viagem de dez dias pela Toscana, no coração da Itália. E é justo lá, sob o sol da Toscana, que o mais improvável acontece: Frances, num ato impulsivo, compra uma casa praticamente abandonada chamada "Bramasole" - que significa "algo que anseia pelo Sol" - e ao fazer isso, começa uma vida nova. Enquanto se familiariza com o estilo de vida local e se dedica à reforma do novo lar, Frances faz amizade com as pessoas que estão ao seu redor e, aos poucos, redescobre os prazeres de sorrir, de fazer amigos e... algumas outras surpresas. Mesmo trilhando uma jornada incerta, uma coisa fica clara: na vida, há segundas chances. Fonte: Webcine

Todos os pontos italianos necessários estão lá: as paisagens magníficas, a culinária esplendorosa, os vinhos deliciosos... e, claro: os sentimentos fervorosos. Diversas referências a Frederico Fellini estão encaixadas na trama... obviamente, uma grande homenagem a Itália. Evidentemente que eu não vou contar mais nada - e nem fazer uma resenha mais contundente - para não estragar a graça do filme para quem ainda não viu... E quem já assistiu, pode pensar que a produção possui alguns pontos um pouco forçados demais... mas, quem se importa? Romance é romance...

OBS: O que eu aprendi com o filme? Se você quiser algo, deite-se e relaxe... Elas "pousam" em você...rsrs



Vale a pena? E como vale...
Nota: 9,5
O trailer do filme: http://www.youtube.com/watch?v=PFDQD0oCqLI&playnext=1&list=PL565895A0AFB3A785&index=1

9 comentários:

Raquel Barbosa disse...

Oi Márcio, adorei seu blog! Também compartilho a fase deliciosa de planejar uma viagem: http://bomsensoemformadegente.blogspot.com/2010/10/planejando-uma-viagem.html

Ah, e adoro esse filme! Continuarei visitando...
abraços, Raquel

Elvira disse...

Oi Marcio.

Adoro esse filme mas o livro também é uma delícia.

Abs.
Elvira

Márcio Jardim disse...

Oi Raquel,
obrigado pela dica, seu blog é ótimo!
abs

Márcio Jardim disse...

Olá Elvira,
o livro é ótimo sim...
Assim que vi o filme pela primeira vez, já comprei o livro... Obrigado pela visita!
abs

Nicole disse...

Olá,
Vou para a Itália em 19/05/2011 com duas amigas, estou mt feliz e curiosa com todas as oportunidades de lugares, gastronomia e Arte..
Adorei o seu Blog e vou ficar por aqui um tempinho ok? rsrsrsrs
É isso, espero tira todas as dúvidas aqui..
Bjs e boa viagem galeraaaaaaaa

Nicole disse...

Olá Márcio,
Pesquisando na internet procurei muitas informações sobre a Itália e gostei muito do seu Blog!
Estou indo em 19/05/2011 com duas amigas e estou adorando as dicas..
Bjs e boa Viagem galeraaaaa

Márcio Jardim disse...

Oi Nicole, nossa sua viagem já está quase aí... E eu contando os dias para a minha...rsrs. Boa viagem e espero que o blog a ajude muito. Não esqueça de voltar e contar tudinho para a gente...
bjs

Pedro Conti disse...

Márcio, topei com seu blog por acaso ao procurar outras informações e achei a idéia genial. Também estou indo para a Itália, só que um pouco antes, provavelmente no final deste mês.
Estou lhe escrevendo para lhe dar uma dica que pouca gente conhece. A maneira mais divertida, confortável e barata de viajar pela Europa é de motorhome. Eu comprei o meu há três anos, quando passei quatro meses rodando por vários países. O plano era revender no fim da viagem (existem firmas que já te vendem o motorhome com compromisso de recompra), mas gostei tanto da brincadeira que acabei mantendo o bichinho guardado na Holanda e agora estou voltando para mais uma aventura.
Só para lhe dar uma idéia: a diária em um camping de 3 ou 4 estrelas (há cerca de 20.000 campings na Europa), com água, luz e internet, varia de 10 a 15 euros para DUAS pessoas. Há três anos, mesmo viajando sozinho, meu custo TOTAL foi de pouco mais de 25 euros por dia, já que eu não gastava com hotel, restaurante ou passagens. E nem é preciso ficar sempre em campings; existe uma infinidade de áreas de estacionamento gratuitas, as chamadas “aires”.
É muito simples: você estaciona o motorhome, pega a bicicleta e sai rodando. Ficando em camping, a segurança é total. Meu plano desta é passar três meses viajando e talvez escrever um livro sobre essa modalidade de viagem. Na Itália, pretendo visitar uma por uma as “cidades do bem-viver” (www.cittaslow.org). Se você (e quem sabe a Nicole) quiser trocar uma ideia sobre isso, escreva para mim (pedroconti@gmail.com). Talvez possamos até viajar juntos uma parte do percurso, já que minha grana é curta e seria ótimo poder dividir as despesas com alguém. Um abraço, Pedro.
PS: A propósito, a cidade onde o filme foi feito é Cortona, na Toscana. Estive lá da última vez e é um lugar de tirar o fôlego (em ambos os sentidos, já que as ladeiras são uma parada...)

Márcio Jardim disse...

Valeu pela dica e pelo comentário Pedro...
agradeço a colaboração
abs

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...