É sua primeira vez por aqui? Entenda o blog: No dia 13/08/2010 eu criei este blog apenas para programar a minha viagem para a Itália... Ele cresceu muito, fiz muitos amigos e virou uma fonte de informações para muitas pessoas. Para melhor compreensão, ele foi dividido em três partes: 1) as pesquisas sobre cada cidade, atrações turísticas, gastos,... e o marcador que eu adoro: Entrando no clima, onde experimentei receitas, filmes, livros,... 2) A montagem do meu roteiro passo a passo: todos os dias estão na guia ROTEIRO FINAL; 3) O relato completo da minha viagem - todos os dias - com informações, dicas, gastos totais... etc. Estão na guia MINHA VIAGEM. Entre... o blog é seu!!! Aqui você vai encontrar informações sobre as cidades que eu visitei: Milão, Lago di Como, Turim, Verona, Pádova, Vicenza, Veneza, Florença, Pisa, Lucca, San Gimignano, Siena, Arezzo, Cortona, Cinque Terre, Assis, Roma, Pompéia, Capri, Sorrento, Positano e Nápoles... Este projeto foi finalizado pois estou com outro agora: http://www.toindoparaafranca.blogspot.com/ - mas entrarei aqui uma vez por semana para responder comentários, perguntas, etc... BOA VIAGEM À ITÁLIA!!!

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Atrações Turísticas - FLORENÇA - Parte 02

Continuando com as atrações de Florença...

DUOMO DE FIRENZE - Catedral Santa Maria del Fiori
Endereço: Piazza del Duomo
Site: http://www.duomofirenze.it/
Horário: http://www.operaduomo.firenze.it/opera/orari.asp
Preço: Gratuita - 8 euros para a Cúpula

A Basílica di Santa Maria del Fiore é a catedral, ou Duomo, da Arquidiocese da Igreja Católica Romana de Florença. Notabilizada por sua monumental cúpula - obra do celebrado arquiteto renascentista Brunelleschi - e pelo campanário, de Giotto, é uma das obras da arte gótica e da primeira renascença italiana, considerada de fundamenal importância para a História da Arquitetura, registro da riqueza e do poder da capital da Toscana nos séculos XIII e XIV. Seu nome (cuja tradução é Santa Maria da Flor) parece referir-se ao lilium, símbolo de Florença, mas, documento do Século XV, por outro lado, informa que “flor”, no caso, refere a Cristo.


Interior da Cúpula

BASÍLICA DI SANTA CROCE
Endereço: Piazza di Santa Croce
Horário: De segunda à Sábado das 9h30 às 17h - Domingo das 13h às 17h
Preço: 5 euros (Basílica e Museu)
Mapa: http://www.santacroceopera.it/files/materiali/pianta_santa_croce.pdf
 
A Basílica de Santa Cruz (em italiano Basilica di Santa Croce) é a principal igreja franciscana em Florença, na Itália, e uma das principais basílicas da Igreja Católica no mundo. Está situada na Piazza di Santa Croce, a lesta da basílica de Santa Maria del Fiore. É o lugar onde estão enterrados alguns dos mais ilustres italianos, tais como Michelângelo, Galileo Galilei, Maquiavel e Rossini, e assim é apelidada de Panteão das Glórias Italianas. A lenda diz que a igreja foi fundada pelo próprio São Francisco de Assis. A atual igreja foi iniciada em 1294, possivelmente por Arnolfo di Cambio e foi bancada por algumas das famílias mais ricas da cidade. Foi consagrada em 1442 pelo papa Eugênio IV. A vasta estrutura é a maior igreja franciscana do mundo. Suas características mais marcantes são as 16 capelas, muitas delas decoradas com afrescos de Giotto e seus alunos e os monumentos funerários. O campanário foi construído em 1842.


BASÍLICA DE SANTA MARIA NOVELLA
Endereço: Piazza di Santa Maria Novella
Site: http://www.smn.it/
Horário: De segunda à quinta das 9h30 às 17h - De sexta à domingo das 13h às 17h
Preço: 2,70 euros

A Basílica de Santa Maria Novella é uma igreja em Florença, na Itália. Situa-se no noroeste da parte antiga da cidade, na piazza de mesmo nome, quase junto à principal estação ferroviária florentina. No século IX, ali havia o pequeno oratório de Santa Maria delle Vigne; em 1049 foi construída a pequena Santa Maria Novella, concedida em 1221 aos dominicanos. A ampliação principia em 1279, seguindo o projeto de Fra Sisto da Firenze e Fra Ristoro da Campi. Completa em meados do século XIII, a nova igreja só é consagrada, pelo papa Eugênio IV, em 1420. Giorgio Vasari foi o arquiteto da reforma levada a cabo entre 1565 e 1571, que removeu o recinto do coro e reconstruiu os altares laterais. Já entre 1858 e 1860, reformou-se novamente a basílica, sob ordens de Enrico Romoli. O interior, em forma de cruz latina, é subdividido em três naves, a central com cem metros de comprimento. Artistas que aí trabalharam incluem Filippo Brunelleschi, Domenico Ghirlandaio, Masaccio, além do próprio Vasari.


BASÍLICA DE SAN LORENZO
Endereço: Piazza di San Lorenzo
Site: http://www.sanlorenzo.firenze.it/
Horário: De Segunda à Sábado, das 10h às 17h
Preço: 2,50 euros

A Basílica de São Lourenço (em italiano Basilica di San Lorenzo) é uma igreja do início do Renascimento, concebida por um dos maiores arquitectos desta época, Filippo Brunelleschi, sobre uma pequena igreja fundada por Santo Ambrósio no ano de 393. As obras foram iniciadas em 1419, com o patrocínio de Cosme, o Velho, Médici, e foram terminadas em 1460 por Antonio Manetti, que respeitou fielmente o plano inicial. Está integrada no centro histórico de Florença, local classificado Património Mundial pela UNESCO, juntamente com a catedral e os palácios Médici-Riccardi, Pitti e Uffizi.


CAPPELLA BRANCACCI
Endereço: Piazza del Carmine
Site: -*-
Horário: De segunda à sexta, das 9h às 17h - Sábado e domingo, das 9h às 18h
Preço: 4 euros

A Capela Brancacci é uma capela na Igreja de Santa Maria del Carmine, em Florença. É muitas vezes chamada de Capela Sistina do começo da Renascença. A construção foi encomendada por Pietro Brancacci, e começou em 1386. Masolino da Panicale foi contratado para pintar a Capela, junto com seu assistente, Masaccio. Esse último era tão bom pintor, que Masolino deixou a obra e ela foi dada inteiramente a Masaccio. Contudo, Masaccio foi chamado a Roma antes de concluir a obra e morreu aos 27 anos. Porções da Capela foram finalizadas por Filippino Lippi.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...