É sua primeira vez por aqui? Entenda o blog: No dia 13/08/2010 eu criei este blog apenas para programar a minha viagem para a Itália... Ele cresceu muito, fiz muitos amigos e virou uma fonte de informações para muitas pessoas. Para melhor compreensão, ele foi dividido em três partes: 1) as pesquisas sobre cada cidade, atrações turísticas, gastos,... e o marcador que eu adoro: Entrando no clima, onde experimentei receitas, filmes, livros,... 2) A montagem do meu roteiro passo a passo: todos os dias estão na guia ROTEIRO FINAL; 3) O relato completo da minha viagem - todos os dias - com informações, dicas, gastos totais... etc. Estão na guia MINHA VIAGEM. Entre... o blog é seu!!! Aqui você vai encontrar informações sobre as cidades que eu visitei: Milão, Lago di Como, Turim, Verona, Pádova, Vicenza, Veneza, Florença, Pisa, Lucca, San Gimignano, Siena, Arezzo, Cortona, Cinque Terre, Assis, Roma, Pompéia, Capri, Sorrento, Positano e Nápoles... Este projeto foi finalizado pois estou com outro agora: http://www.toindoparaafranca.blogspot.com/ - mas entrarei aqui uma vez por semana para responder comentários, perguntas, etc... BOA VIAGEM À ITÁLIA!!!

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Monumento a Víttorio Emanuele

O Monumento dedicado a Vittorio Emanuele vive, até hoje, diversas controvérsias... Chamado de "bolo de noiva" ou "máquina de escrever", ele é o ponto inicial para conhecer a cidade de muitos turistas... Vamos conhecê-lo?

O Monumento Nazionale a Vittorio Emanuele II (Monumento Nacional a Vítor Emanuel II), Altare della Patria (Altar da Pátria) ou ainda Il Vittoriano é um monumento em honra a Vítor Emanuel II da Itália, unificador e primeiro rei da Itália unificada, em Roma. O monumento está entre a Piazza Venezia e o Monte Capitolino. O monumento foi projetado por Giuseppe Sacconi em 1885. Foi inaugurado em 1911 e completado em 1935.

Feito de puro mármore branco de Botticino, apresenta majestosa escadaria, colunas coríntias, fontes, uma enorme estátua equestre de Vítor Emanuel e duas estátuas da deusa Vitória em quadrigas. A estrutura tem 135 m de largura e 70 m de altura, mas se as quadrigas e as vitórias aladas forem incluídas, a altura passa a ser de 81 m. A base do monumento abriga o museu da Unificação Italiana. Em 2007, um elevador panorâmico foi instalado, permitindo aos visitantes ir ao teto e ter uma visão 360° de Roma.

O monumento é controverso desde sua construção destruir uma grande área do Monte Capitolino, o qual guardava vestígios medievais no local. A construção em si é frequentemente considerada pomposa e demasiada grande. É facilmente visível da maior parte de Roma, mesmo tendo formato de caixa e não tendo um domo ou torre. O prédio é também muito branco, fazendo com que chame muita atenção em meio aos prédios marrons que o rodeiam, fazendo com que tenha vários apelidos. Estrangeiros algumas vezes se referem a ele como "bolo de casamento", e os romanos de "máquina de escrever". Apesar de todo esse criticismo, o monumento ainda atrai um grande número de visitantes. O ex-presidente italiano Carlo Azeglio Ciampi promoveu a abertura do Vittoriano como um fórum público e mirante do centro da cidade. Essa nova acessibilidade permitiu aos turistas se tornarem familiares ao marco histórico, possibilitando o crescimento da reputação popular não crítica do local.

Localização: Piazza Venezia - Centro




Informações e Fotos: Wikipédia

2 comentários:

Anônimo disse...

Não deixar de subir no elevador panorâmico atrás do monumento, que leva ao seu terraço. Uma das melhores visões de Roma...de um lado Piazza Venezia (que tem um pub muito bom chamado scholar´s..) do outro lado uma visão panorâmica do foro romano e do coliseu. É de chorar...
Rafael Magalhães

Márcio Jardim disse...

Olá Rafael,
muito obrigado pela dica!
Já está anotada!
Abs

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...